Vereadora Drª. Kristiane pede ao prefeito Ibinho que crie uma comissão para estudo da progressão dos servidores efetivos do município

Uma Indicação da vereadora Drª. Kristiane (PR) prevê que a atual administração crie uma Comissão para estudo, análise e efetivação da progressão dos servidores efetivos do município.

Para Drª. Kristiane a boa relação com os funcionários começa com a valorização, e é baseando-se nesse aspecto que seu pedido encontra força e amparo.

“A política de valorização do servidor busca cumprir todos os direitos conquistados e também reconhecer o trabalho do servidor municipal, peça fundamental para prestação efetiva dos serviços oferecidos pelo poder público municipal”, destacou.

A parlamentar ressalta que sua proposição se faz necessária considerando que a progressão dos servidores efetivos, prevista no Estatuto dos Servidores Públicos e Estatuto do Magistério, há muito tempo está estagnada.

“Dessa forma os mesmos estão deixando de ser avaliados, acumulando assim uma defasagem salarial que vai de encontro com o que está descrito na legislação municipal vigente (estatuto). Ademais, cumpre salientar que conforme a reunião ordinária realizada no mês passado foi apresentado o relatório de impacto da folha de pagamento e comprovamos na mesma que está girando em tomo do de 41%, bem distante do limite constitucional permitido, não existindo assim justificativa para a não aplicação da progressão estabelecida no Estatuto dos Servidores e no Estatuto do Magistério”, afirmou Drª. Kristiane.

Depois de aprovada por unanimidade na Casa Legislativa, a indicação seguiu para avaliação do prefeito Ibinho.